Jornal Atitude - Notícias & Entretenimento

Domingo, 14 de Julho de 2024
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia

Geral

JOGOS DE PODER E INCERTEZAS

Disputas, alianças e desafios dos pré-candidatos rumo às eleições municipais de 2024

Jornal Atitude
Por Jornal Atitude
JOGOS DE PODER E INCERTEZAS
IMPRIMIR
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Bastidores

Os bastidores políticos de Lençóis Paulista estão fervendo, faltando pouco mais de um ano para as eleições municipais de 2024. Nesse jogo de poder, os políticos já estão se movimentando e trocando farpas em suas reuniões 'super secretas'.

Pré-candidatos

Publicidade

Leia Também:

Os aspirantes ao cargo de prefeito, tanto da situação quanto da oposição, estão tentando formar alianças e uma base, mas encontram dificuldades para decidir quem será o candidato de fato.

Figurinhas Carimbadas

Na situação, apoiado pelo atual prefeito Anderson Prado de Lima (União), a dúvida persiste sobre quem liderará a chapa. As opções são Cagarete e Manezinho do Eco. Na oposição, temos Marise como o nome quase certo, mas outros como Rocinha e Norberto correm por fora e bem distante.

A situação está rachando?

Há boatos de que o vice-prefeito, Manezinho do Eco, não aceita ser o vice de Cagarete. Segundo fontes, Manezinho do Eco está à frente de Cagarete em pesquisas encomendadas pelo grupo, mas ele não teria os recursos financeiros necessários para bancar uma campanha, o que o faria depender muito do recém-milionário prefeito. Por outro lado, Cagarete não teria esse problema, vindo de uma família abastada, não precisaria de ninguém para financiar sua campanha, mas está muito atrás nas pesquisas.

A oposição vai se unir?

O candidato quase certo para a oposição é o ex-prefeito Marise (sem partido). No entanto, ele enfrenta diversos problemas para formar seu grupo. Marise está tendo dificuldades para escolher um vice que traga não apenas votos, mas também capital financeiro para sua campanha, uma vez que ele não possui os recursos necessários para não depender financeiramente de um grupo político.

Complicou!

Tanto Cagarete quanto Marise têm seu maior eleitorado formado pelas classes A e B. Ambos têm pouco contato com as classes populares ao longo de suas carreiras políticas. Agora, com as eleições se aproximando, eles teriam muita dificuldade em aparecer nas áreas periféricas como candidatos do povo. Eles precisariam pelo menos de um vice que criasse essa conexão para não parecerem falsos e interesseiros nessas visitas.

Vantagem

Para a situação, o vice-prefeito Manezinho do Eco seria o candidato ideal para conquistar votos das classes C, D e E, especialmente se fosse o vice de Cagarete, por ser do grupo do atual prefeito. No entanto, dizem as más línguas, que Manezinho do Eco não aceita ser vice de Cagarete. Está feito!

Desvantagem

A situação na oposição é ainda mais complicada. Com a escassez de recursos de Marise e a recusa que dizem estar enfrentando junto aos seus "amigos" para financiar sua campanha eleitoral, Marise teria que encontrar um vice com dinheiro para investir na campanha. Embora isso não seja difícil para ele, já que conta com diversos amigos médicos bem-sucedidos, conectar-se com as classes mais baixas do município se tornaria um desafio. Além disso, seria necessário elaborar uma campanha complexa e trabalhosa nas mídias sociais, exatamente onde Marise foi desgastado nas eleições de 2016 e 2020.

Bolsonaro desempata?

Pode parecer loucura, não é mesmo? O que Bolsonaro tem a ver com Lençóis? Bem, nas eleições de 2022, quase 70% da cidade votou em Bolsonaro, revelando assim uma inclinação conservadora e de direita, que coincide com a abordagem adotada pelo ex-prefeito Marise. Está acompanhando?

Inelegível

Com a inelegibilidade do ex-presidente Jair Bolsonaro até 2030, tudo indica que o poderoso Partido Liberal (PL) vai investir pesado em seus candidatos a prefeito em 2024. Essa poderia ser a oportunidade tão esperada para Marise receber o apoio financeiro e político de que precisa!

Sorte?!

Ainda segundo os rumores de bastidores, o mesmo motivo que tornou o ex-presidente Bolsonaro inelegível pode acabar afetando os candidatos da situação! O uso da máquina de comunicação pública para benefícios pessoais e interesses partidários e políticos pode ser questionado. Será que isso é verdade?

Abusou?!

Por outro lado, a mesma fonte fala que a oposição, ao seguir por caminhos tortuosos e se envolver em embates, poderia ter que se explicar sobre um suposto abuso de poder econômico nas eleições de 2020 e a alegada suposta formação e suposto financiamento de um tal "gabinete do ódio". E agora, como fica?

Insight

Ao que tudo indica, as eleições de 2024 serão mais uma vez decididas pela capacidade de conquistar eleitores, produzindo conteúdos adequados para públicos distintos. Os candidatos não poderão se limitar a promessas, mas terão que explicar por que não cumpriram o que prometeram, já que todos estiveram de alguma forma no poder. Assim como no jogo de truco, nem sempre ganha quem tem a melhor carta, mas sim quem é mais ousado, corajoso e convincente. Quem está disposto a apostar? Truco!!!

 

Marcos Xavier

Jornalista do Povo

Comentários:
Jornal Atitude

Publicado por:

Jornal Atitude

O jornal impresso ATITUDE é uma fonte essencial de informação mensal, direcionada a manter a população atualizada sobre uma variedade de assuntos relevantes para a vida em sociedade.

Saiba Mais
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia
King Pizzaria & Choperia

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas e muito mais!

Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )